O que fazer ao descobrir a trombofilia na gestação?

A trombofilia na gravidez caracteriza-se pelo aumento do risco de formação de coágulos de sangue, que pode levar à ocorrência de uma trombose, AVC ou embolia pulmonar.

A gestação é um fator de risco para o desenvolvimento de eventos tromboembólicos, podendo causar sintomas como inchaço, alterações na pele, desprendimento placentário, pré-eclâmpsia, alterações no crescimento fetal e aborto espontâneo.

Ao descobrir a trombofilia durante a gestação, a mulher pode sentir medo e preocupação, mas hoje, posso dizer que você pode se tranquilizar.

A trombofilia é um tópico para se preocupar, de fato. Mas com o tratamento, orientações e dedicação no tratamento, você terá uma gravidez saudável e que você possa aproveitar cada momento. É importante que ser acompanhada por um obstetra, pois o tratamento é essencial para que mais complicações não surjam.

Mantenha a calma e oriente-se, tire dúvidas e não tenha medo de enfrentar esse desafio!

Dra. Regina Biasoli

Hematologista e Clínica Geral

CRM 75627

RQE 30670

 

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer juntar-se a discussão?
Fique a vontade para contribuir!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *